domingo, 10 de maio de 2015

“Assédio Moral em Organizações Públicas e a (Re)Ação dos Sindicatos”


O livro apresenta textos de pesquisas e experiências de profissionais, pesquisadores, militantes e acadêmicos que se interessam e trabalham com o tema assédio moral no trabalho. Entre eles destaco a professora. Margarida Barreto e o professor Roberto Heloani, principais referências do tema no Brasil e na América Latina.

Organizadores (e também autores de capítulos):

  • prof. Magnus Luiz Emmendoerfer (Universidade Federal de Viçosa/MG), 
  • profa. Suzana da Rosa Tolfo (Universidade Federal de Santa Catarina), 
  • Thiago Soares Nunes (doutorando em Administração pela UFSC).

O argumento central para a elaboração deste livro é que as Organizações Públicas e as Sindicais devem ultrapassar o debate de natureza periférica no que tange ao objeto Assédio Moral e passem a ser consideradas, em si, como um frutífero campo de pesquisas e intervenção voltado ao desenvolvimento do bem-estar e da qualidade de vida do trabalhador. Considera-se, especialmente, o fato de que a maior parte destas organizações contribui para o bem estar na sociedade, por meio da prestação de serviços públicos, e como a maioria não faz nada, parece que dá mais a impressão de que elas propiciam o Assédio Moral. 

Esta reflexão sobre os efeitos e desdobramentos do Assédio Moral nas Organizações Públicas e nas Sindicais, deixa claro o quanto ainda há de ser caminhado. Inclusive para fornecer a estas organizações maior suporte para a prevenção e o combate ao assédio, principalmente em termos de políticas públicas. 

Desta forma, este livro foi organizado com trabalhos de autores com expressões nacional e internacional, sendo composto por três partes, que totalizam 15 capítulos. A primeira concentra-se na construção do conhecimento sobre assédio moral. A segunda trata do assédio moral em organizações públicas, principalmente aquelas relacionadas a área de educação. A terceira aborda as organizações sindicais. Encerramos o livro com um capítulo que apresenta medidas de prevenção e combate ao assédio moral em organizações públicas e privadas.

Com esta composição, desejamos a todos uma excelente leitura para compreender mais acerca do fenômeno, e em especial, em organizações públicas, bem como conhecer as ações que estão sendo realizadas pelos sindicatos no Brasil para prevenir e combater esta violência que tem causado mal estar em diversas pessoas, dentre elas, servidores públicos.

PREFÁCIO ....................................................................... 11
Roberto Heloani Margarida Barreto

PARTE I

A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO SOBRE ASSÉDIO MORAL. 17

VIOLÊNCIA NO TRABALHO:
alguns aportes relacionados ao assédio moral no trabalho ....... 19 

Leonor M. Cantera Espinosa
Frances M. Cantera
Susana Pallarès Parejo


A DISCUSSÃO DO ASSÉDIO MORAL EM ORGANIZAÇÕES
PÚBLICAS E SINDICAIS: situando o debate............................ 31 

Margarida Barreto
Roberto Heloani



ASSÉDIO MORARAL ORGANIZACIONAL: especificidades da prática 
em organizações públicas e a atuação sindical ........................ 53 
Lis Andrea Pereira Soboll
Joana Alice Ribeiro de Freitas
Fernanda da Conceição Zanin


PRODUÇÃO INTERNACIONAL SOBRE ASSÉDIO MORAL EM ORGANIZAÇÕES PÚBLICAS E EM SINDICATOS ............................................... 67 

Nayara Dias Ferraz
Magnus Luiz Emmenderfer


O QUE TEM SIDO ESCRITO NA ÁREA DE ADMINISTRAÇÃO SOBRE ASSÉDIO MORAL NO TRABALHO NO BRASIL? ....................................... 79 

Thiago Soares Nunes
Mariana Luísa da Costa Lage


PARTE II

ORGANIZAÇÕES PÚBLICAS.................................................... 97

ASSÉDIO MORAL NO TRABALHO:
interface com a cultura organizacional e a gestão de pessoas
em organizações públicas......................................................  99 

Suzana da Rosa Tolfo
Narbal Silva
Edite Krawulski
page7image14504 page7image14664 page7image14824 page7image14984 page7image15144 page7image15304 page7image15464 page7image15624 
A VIOLÊNCIA PSICOLÓGICA E/OU ASSÉDIO MORAL VERTICAL 
ASCENDENTE NA PRÁTICA DOCENTE DA REDE PÚBLICA ............ 119 
Cristina Maria Fagundes Prisco
Álvaro Roberto Crespo Merlo
Cláudia de Negreiros Magn


CASO UFV: ouvintes dos casos de assédio moral ...................... 134

Letícia Rocha Guimarães 
Magnus Luiz Emmendoerfer

CASO UFSC: denúncias de casos de assédio moral .................... 163

Thiago Soares Nunes 
Suzana da Rosa Tolfo

CASO SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL DO TRABALHO E
EMPREGO (SRTE/MTE/SC) PROCESSAMENTO E RESOLUÇÕES
DAS DENUNCIAS DE ASSÉDIO ............................................... 177

Renato Tocchetto de Oliveira

PARTE III

ORGANIZAÇÕES SINDICAIS................................................... 187

A (RE)AÇÃO DOS SINDICATOS FRENTE AO ASSÉDIO MORAL
NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA................................................ 189 

Arthur Lobato Magalhães Filho
Robert Wagner França


ASSÉDIO MORAL: uma experiência de intervenção do sindicato dos 

servidores através da clínica do trabalho..................................  205 
Cláudia de Negreiros Magnus
Álvaro Roberto Crespo Merlo
Cristina Maria Fagundes Prisco


COMBATE AO ASSÉDIO MORAL NO TRABALHO:

identificando medidas adotadas pelas organizações sindicais de SC. 215 
Ana Carla Fabro
Carla Maehler


ESFERA PÚBLICA VIRTUAL DE COMBATE
AO ASSÉDIO MORAL E SINDICATOS .......................................... 229 

Gilberto Maurício Frade da Mata
Magnus Luiz Emmendoerfer

CONCLUSÕES ........................................................................ 241  



O ASSÉDIO MORAL NO TRABALHO E FORMAS DE
DIAGNOSTICAR E INTERVIR ....................................................  243 

Suzana da Rosa Tolfo
Thiago Soares Nunes
Magnus Luiz Emmendoerfer


SOBRE OS ORGANIZADORES.................................................. 267 


SOBRE OS AUTORES ............................................................. 269 



  http://www.editoracrv.com.br


Nenhum comentário: